sexta-feira, 20 de agosto de 2010

O livro de Rute - A decisão de Rute

Diz a Bíblia: " Disse porém, Rute: Não me instes para que te deixe e me obrigue a não seguir-te; porque, aonde quer que fores, irei eu e, onde quer que pousares, ali pousarei eu; o teu povo é o meu povo, o teu Deus é o meu Deus... faça-me o Senhor o que bem lhe aprouver."
Rute 1:16-17

Após essa decisão de ter ao Deus vivo como seu Senhor, a Bíblia relata o que aconteceu na vida de Rute.
O livro de Rute se resume nisto: Para testemunhar o que Deus fez na vida dela depois que decidiu ter ao Deus vivo como Senhor de sua vida, mesmo ela não sendo descendente de Israel.
É certo que a decisão de Rute lhe trouxe bons resultados como se vê na Bíblia, porém, não podemos dizer o mesmo de Orfa, sua cunhada.
Aconteceu o seguinte: Os esposos de Orfa e Rute, junto com seus pais foram até a terra de Moabe (onde Orfa e Rute conheceram seus esposos), porque em Belém, sua terra natal, estava em fome. No tempo em que viveram na terra de Moabe, morreram os esposos e o sogro delas e, sabendo a sogra delas que Belem voltou a prosperar, porque Deus tinha se lembrado povo de Israel, quiz voltar para sua terra e deixar suas noras na terra de Moabe. Orfa decidiu permanecer na sua terra com seus deuses, mas Rute decidiu mudar a sua fé para o mesmo Deus de sua sogra e o resultado disso foi uma vida sentimental, financeira e familiar abençoada como está escrito na Bíblia.
Deus permitiu que a vida de Rute fosse colocada como Escritura para testemunho da diferença que houve quando ela decidiu fazer do Deus vivo seu Senhor, deixando os custumes do seu povo, seus deuses e seus pais para ir a uma terra estrangeira.
Se for analizar, aos olhos humanos, Rute estava trocando o certo pelo duvidoso porque era mais seguro recomeçar sua vida em sua terra natal do que em terra estrangeira, longe do conforto garantido da casa de seus pais. Mesmo assim, Rute via com os olhos da fé que teria um futuro diferente longe de sua terra natal e estava decidida a viver a fé no Deus vivo.
Deus pode se manifestar na vida de Rute porque ela se pôs como dependente de Dele mas não pode se manifestar na vida de Orfa porque a sua decisão foi permanecer crendo nos seus deuses.
Não poderia Deus ter feito na vida de Orfa o mesmo que fez na vida de Rute?

Um comentário:

  1. Olá meus irmãos, graça e paz.

    Estou passando para informar, que gostei demais deste espaço, pois é mais uma oportunidade de aprendizado. Como sempre falo: Aprendendo uns com os outros crescemos na graça e no conhecimento, do nosso Senhor Jesus Cristo.
    Gostaria também de divulgar o nosso Blog,
    Ficaremos felizes em vossa visita, mais ainda se seguir-nos.

    “ Mensagem Edificante para Alma”
    http://josiel-dias.blogspot.com/

    Josiel Dias
    Conselho Missionário
    Congregacional
    Rio de Janeiro

    ResponderExcluir